Transtorno do Espectro do Autismo: Clínica Ninho amplia estrutura para apoiar famílias e crianças

Para apoiar pais e famílias no diagnóstico e no desenvolvimento de crianças com TEA, a Clínica Ninho diversifica oferta de serviços

Patrocinado

JC 360

Perceber que um filho tem algum tipo de necessidade especial, muitas vezes, é difícil para a família. Embora bastante comum, o diagnóstico de transtornos como o autismo, por exemplo, gera insegurança nos pais, especialmente sobre como ajudar no desenvolvimento da criança. Atualmente, com os avanços da medicina, o diagnóstico precoce e o apoio familiar, crianças com transtornos podem se desenvolver muito bem e levar uma vida tranquila.

Pensando em auxiliar pais e mães que passam por esse momento, a Clínica Ninho, referência no atendimento do Transtorno do Espectro do Autismo (TEA), abriu as portas em 2019 na Ilha do Leite, área central do Recife, com o slogan ‘Ninho: carinho que faz crescer, cuidado que faz voar’. “Os pais que perceberem algum comportamento indicativo de autismo ou algum tipo de necessidade especial podem entrar em contato conosco e marcar a primeira avaliação”, explica a supervisora da clínica, psicopedagoga e analista de comportamento Maria do Carmo Pascoal. 

Atualmente, a equipe da Ninho conta com 50 profissionais à disposição. São fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, psicopedagogos, psicólogos, nutricionistas, neuropediatras e outros especialistas que atuam com integração sensorial, Applied Behavior Analysis (Análise Aplicada de Comportamento ou ABA, na sigla em inglês) e psicomotricidade (relacional e funcional).

A psicopedagoga ressalta a importância do diagnóstico precoce e do envolvimento dos pais para o sucesso das intervenções. 

“Hoje, já se consegue diagnosticar uma criança com TEA antes dos três anos, que é quando os pequenos têm o que chamamos de plasticidade neuronal: capacidade do cérebro de criar novas conexões a partir de experiências e comportamento, facilitando a mudança comportamental do paciente. E para que esses novos hábitos sejam criados e aprendidos, a presença da família é fundamental”,  pontua.

O acompanhamento familiar é essencial para o desenvolvimento da criança com autismo, assim como o auxílio da escola. Por isso, a Ninho disponibiliza assistentes terapeutas que acompanham crianças autistas na rotina escolar, auxiliando na adaptação delas ao ambiente, na escolha do material adequado para uso e na orientação de educadores.

Estrutura

Além de todas as especialidades terapêuticas, a clínica conta com um espaço equipado com aparelhos que estimulam a integração sensorial. O local passa por uma reforma para oferecer ainda mais conforto e ambientes que estimulem o desenvolvimento dos pacientes. Uma das novidades é o Espaço Nutrição, onde os pequenos poderão conhecer os alimentos, pegá-los e experimentá-los.

“Mais de 80% dos pacientes da Clínica Ninho apresentam seletividade alimentar, com dificuldade de experimentar novos alimentos de cores e texturas diferentes. O objetivo dessa cozinha experimental é ir introduzindo a alimentação variada aos poucos, com o auxílio das nutricionistas Rafaella Crespo [CRN 26750] e Rebeca Vidal [CRN 29712]”, destaca Maria do Carmo.

Em breve, a clínica ganhará novas salas, piscina e quadra de esportes para o desenvolvimento de habilidades motoras e físicas. A previsão é de que a reforma esteja finalizada no segundo semestre, com a inauguração do projeto Ninho Brincante, onde a clínica abrirá aos sábados. Interessados em marcar uma avaliação ou conhecer os serviços da Clínica Ninho podem entrar em contato pelos telefones (81) 3097-3604 e 3097-3674. Outras informações pelo site www.ninhoclinica.com.br.

Expediente

30 de junho de 2021

Vídeos

Walter Klecius
Edição e finalização

Fotos e Imagens

Jailton Jr
Fotografia e cinegrafia

Edição

Fabíola Blah
Editora
Janaína Lima
Editora

Reportagem

Amanda Souza
Repórter
Bruno Brandão
Repórter
Heliane Rosenthal
Repórter
Juliana Cavalcanti
Repórter

Desenvolvimento

Adrielly Santos
Front-end
Everton Odilon
Identidade visual e infografia
Marcílio Abreu
Design web e front-end